Capitão Styvenson é parado em blitz de trânsito e criticado porque dono de carro caroneiro não portava documento do veículo

Arre Egua! Ao pegar uma carona você pede ao dono do carro para ver o documento do veículo? Sim ou Não?

958

Por Caicó na Rota da Notícia

O capitão Styvenson Valentim, candidato ao Senado Federal e ex integrante e Coordenador da Lei Seca no RN, é tido incorruptível, sendo linha dura no combate as contravenfrações e crimes de trânsito, sobretudo na embriaguez ao volante seja o condutor pobre ou rico e sem distinção de raça, credo ou condição social.

O então candidato ao Senado (REDE) foi muito criticado quando o veículo em que ele andava de carona foi parado numa Blitz na noite de ontem quinta – feira (20 de set) na zona Sul de Natal. O condutor teve o carro retido por falta de documento obrigatório e foi notificado pela autoridade competente.

Styvenson alega que não cometeu nenhuma infração e permaneceu o tempo todo dentro do carro, por cerca de 1 hora. O condutor se negou a assinar a notificação (o que lhe é de direito e não influe em nada), a qual diz respeito a trafegar em veiculo sem portar documento obrigatório. Em seguida foi liberado tão logo a documentação chegou.

E você; ao pegar uma carona exige para ver o documento do veículo “Sim ou Não“? Isso todos já sabemos que Não né? Mas para uma “minoria de pessoas” que tem algo contra quem trabalha da forma correta, eles acham que Sim. Infelizmente no Brasil, para alguns “O errado é certo e o certo é errado!”

Alguns se perguntaram se: “Caso fosse o capitão que estivesse no comando da Blitz e tivesse parado o líder das pesquisas a candidato ao Senado Federal na condição de caroneiro ele faria a mesma coisa com o condutor do veículo?” 

Resposta: “Sem sombra de dúvidas que, Sim!” Pois os policiais estão corretíssimos ao realizaram o trabalho deles, tanto quanto o capitão Styvensão não tem culpa de nada, já o dono do carro que esqueceu o documento, este tem culpa sim, e vai pagar pela infração considerada ‘Leve’.

Blitz na zona sul de Natal