Filha do casal contou que presenciou o homicídio no João Paulo II

JOSÉLIA DINIZ DA SILVA desferiu um golpe mortal em ORGANACIANO RAIMUNDO DE MORAIS (Foto: Créditos/Blog Jair Sampaio)

20197

O casal passou o dia todo bebendo em casa que fica na Rua Salvino Santos nº 380 no Bairro João Paulo II, zona oeste de Caicó quando a mulher esfaqueou o próprio marido que não resistiu e veio a óbito. A filha deles de 20 anos contou aos policiais que presenciou o fato e que desta vez não iria perdoar sua mãe.

Uma discussão familiar ocorrido na noite desta sexta feira no João Paulo II, teve um desfecho trágico principalmente quando os próprios filhos presenciaram a mãe esfaqueando o pai deles. A acusada encontra-se desaparecida desde então. O casal criava 11 filhos, sendo 5 do primeiro casamento de JOSÉLIA e seis com o ORGACIANO. A filha mais velha de JOSÉLIA é casada, tem 23 anos e já não morava com a mãe e os irmãos há algum tempo.

Residência onde ocorreu o crime no bairro João Paulo II, zona oeste de Caicó/RN (Foto: Blog Jair Sampaio)
Residência onde ocorreu o crime no bairro João Paulo II, zona oeste de Caicó/RN (Foto: Créditos/Blog Jair Sampaio)

Segundo informações do CB Radamés que estava na ocorrência citada a JOSÉLIA DINIZ DA SILVA já havia efetuado uma cutilada de faca peixeira contra ORGACIANO RAIMUNDO DE MORAIS em outra oportunidade. A primeira tentativa aconteceu nas imediações do Açougue Público de Caicó. Sendo que, a vítima pagou a fiança para que a sua esposa fosse solta, não imaginando que isto iria lhe custar a própria vida.

Por Caicó na Rota da Notícia

cursinho-espaco-do-aluno