Mecânico morto no corredor do bairro Soledade foi, “sim”, vítima de latrocínio

O alarme da moto Honda CG 160 disparou e os ladrões não conseguiram leva - la e atiraram de pistola 380 na vítima

2211

A Polícia Civil confirmou neste domingo que o mecânico WANDERLEY ALVES SANTOS, de 26 anos mais conhecido como “PEU” assassinado na noite de ontem, sábado 13 de julho, no bairro Soledade/Caicó foi vítima de latrocínio, ou seja, quando o acusado mata ou deixa a vítima gravemente ferida para poder roubar seus pertences.

A polícia acredita que a moto Honda/CG 160 de cor vermelha do mecânico só não foi roubada devido o alarme ter disparado o que fez com que os assaltantes ficassem assustado e não conseguissem levar o veículo.

Há possibilidade deles terem ficado com raiva, retornado ao local onde o mecânico estava e em represália terem efetuado disparos e matado a vítima com tiros de pistola 380, já que foram encontradas cápsulas do referido calibre no local do homicídio.

A Polícia Civil continuará investigando o crime e espera que novas informações cheguem, também através da ajuda da população.