Mulher vítima de tentativa de homicídio em Caicó sofreu cerca de 9 facadas; disse médico a família

Segundo a irmã da vítima, o filho do casal vinha chegando na hora e viu a triste cena do pai esfaqueando a mãe

6194

Por Caico na Rota da Notícia

Na noite de óntem um crime de tentativa de homicídio foi registrado na Rua Julião Ferreira de Macedo conhecida como rua da capela localizada no bairro Casas Populares, zona Oeste de Caicó.  O casal estava separado a cerca de 2 semanas, e ele disse que se ela o deixasse ele a mataria.

CLAUDINETE, mais conhecida por CLAUDIA que trabalha em um dos quiosques da rodoviária de Caicó, sofreu várias cultivares de faca peixeira quando chegava em sua residência. Os golpes foram desferidos pelo seu ex-companheiro JOSÉ CARLOS conhecido por NOVINHO que atualmente estava trabalhando vendendo salada de frutas na Central do Cidadão de Caicó.

A mãe da vítima informou que “Novinho estava embriagado e que, antes do crime, foi várias vezes na casa dela perguntando se a filha dela já havia chegado, ela disse que não, e que no momento em que ela chegou em casa já foi sendo agredida por ele“. Ela tinha acabado de chegar do bingo da Boa Passagem em um moto táxi.

A irmã da vítima disse ao blog CRN que “o filho deles dois vinha chegando na hora e viu tudo”, ou seja, presenciou a triste cena do pai esfaqueando a mãe.

Após o crime Novinho, que mora sozinho em uma casa no final da mesma rua, correu a pé da frente da residência da vítima passando por duas ruas seguindo na rua da ‘casa de piscina de Boleto’, entrou para dentro do Rio Barra Nova e não foi mais visto. A moto na qual ele andava, uma Biz pertencente à vítima, ficou estacionada na frente da residência dela.

Em desespero, familiares procuraram ajuda e um morador da rua detrás imediatamente se prontificou a ajudar e a socorreu para a urgência do Hospital Regional do Seridó onde ela foi atendida e passou por intervenção cirurgica.

Segundo o médico contou a irmã de Claudinete “ela sofreu cerca de 10 cutiladas de faca sendo 2 cutiladas no tórax (onde uma delas perfurou um dos pulmões e foi colocada uma sonda), 2 que atingiram as costas, 1 no pescoço e algumas que cortaram – lhe os braços“, demonstrando com isto que houve luta corporal onde a vítima tentou se defender das agressões a faca.

A vítima passou por cirurgia e segue internada no Hospital Regional do Seridó em Caicó, seu quadro de saúde é  estável, estando ela fora de risco de morte, porém, ainda necessita de cuidados e acompanhamento médico, ao passo que o acusado continua sendo procurado pela polícia.