Pedido de instalação de CEI para caçar mandato de Batata pode ser apreciado esta semana

Câmara de Vereadores de Caicó tem votos suficientes para que a Comissão Especial de Investigação seja instalada

634

BATATA ARAUJO poderá ser cassado pelos vereadores diante de uma eventual instalação de uma Comissão Especial de Investigação – CEI – montada pela casa legislativa do município a qual analisará a conduta do chefe do poder executivo municipal atualmente afastado de suas funções por força de um mandado judicial a pedido do Ministério Público do RN.

Batata Araújo, prefeito preso e afastado por mandado judicial

Batata Araújo foi preso acusado de crimes de corrupção passiva (duas vezes), dispensa indevida de licitação, corrupção ativa (duas vezes) e Associação criminosa e encontra – se detido na sala do Estado Maior (destinada a autoridades) que fica no Quartel do Comando Geral – QCG – em Natal.

O cargo de prefeito foi assumido pelo vice Marcos do Manhoso, o qual havia rompido com Batata e segundo a população caicoense vem fazendo uma administração equilibrada, com contenção de gastos, pautada na legalidade e condizente com a realidade orçamentária do município.

Atual prefeito de Caicó, Marcos do Manhoso no dia de sua posse

Caso seja caçado, Batata poderá perder o direito de ficar no QCG e ser transferido para um presídio comum, uma vez que não será mais considerado uma autoridade.

Por Caicó na Rota da Noticia/Fonte Sidney Silva