Suspeitos de furtar em prédio do Abrigo de Idosos dão entrada no hospital com tiro na mão

Um deles tinha um Mandado de Prisão em aberto devido a um homicídio. (Foto meramente Ilustrativa)

2153
(Tiro na mão. Foto meramente Ilustrativa)

Por volta das 11h da manhã de hoje dois homens deram entrada na Urgência do Hospital Regional do Seridó em Caicó com perfuração à bala em uma das mãos.

TÁSSIO DIEGO e RAUL são suspeitos de terem cometido um furto em um prédio anexo ao Abrigo de Idosos localizado no bairro Paraíba. Vários objetos foram furtados do local, como ventilador, caldeirões, talheres, conchas e outros, entretanto, alguns deles foram recuperados pela Polícia Militar na manhã de hoje, em uma estrada carroçável por trás do 1° BEC que liga os bairros Paraíba ao Canuto e Filhos.

O RAUL recebeu voz de prisão devido a um mandado por suspeita de ser o autor de homicídio ocorrido no bairro Paraíba. Os dois estavam aguardando passar por uma intervenção cirúrgica para serem conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil de Caicó para os procedimentos cabíveis.

Há suspeita que o tiro na mão foi uma punição por parte de criminosos. Isto geralmente ocorre quando algum marginal comete algo que não está de acordo com a cartilha do crime, como foi o caso de mulheres que foram punidas no mês de novembro de 2017 nos bairros João XXII e Frei Damião, zona Oeste de Caicó pelo chamado “Tribunal do Crime”. Casos estes que foram desvendados pela inteligência da Polícia Civil que cumpriu mandados de prisão contra os acusados do fato.

Saul (mandado de prisão) e Tássio Diego suspeitos de furtar prédio anexo ao Abrigo de Idosos de Caicó