Tragedia: Criança de 3 anos morre ao cair de cima de tanque de moto em Tenente Laurentino Cruz

Tia disse que tomou um susto, freiou a moto bruscamente, sua sobrina caiu e bateu a cabecinha em uma pedra

2525

Por Caicó na Rota da Notícia

Por volta das 9 horas da manhã de hoje, quinta feira 19, uma criança de apenas 3 anos de idade morreu ao cair de uma moto e bater a cabeça em uma pedra no sítio Tanques Preto em Tenente Laurentino Cruz.

A criança foi identificado como LUANA GABRIELA SILVA PEREIRA, de 3 anos filha de LENILSON PEREIRA conhecido por ‘COCA’ e JOSÉLIA DE LIMA.

A tia colocou a sobrinha em cima do tanque da moto e ao descer a serra teria se assustado com um veículo que vinha em sentido contrário subindo a serra.

A tia contou que devido ao susto freiou a motocicleta bruscamente, a criança escorregou, passou por cima do gidão do veículo e caiu vindo a bater com a cabecinha em uma pedra. A menina chegou a ser socorrida mas infelizmente já chegou no hospital sem vida.

O que diz o CTB quanto a transportar crianças em motocicleta?

Segundo o código de trânsito brasileiro – CTB – só pode andar na ‘garupa’ de uma moto, crianças a partir de 7 anos de idade e que tenho condições de cuidar de sua própria segurança. A partir dessa idade normalmente a criança já tem tamanho para firmar os pés nos pedais do veículo. A lei é clara.

Vale salientar de a lei diz garupa, garupa é garupa, e a criança jamais deverá ser transportada na frente, sobre o tanque, ou mesmo ser levada no colo ou entre dois adultos.

Para algumas pessoas, a lei foi feita por pessoas que têm veículos para levar suas crianças não sendo observado que pessoas de menor poder aquisitivo, muitas vezes, só tem uma moto para se locomover com a família. Na verdade a lei visa unicamente a segurança e a proteção da criança, uma vez que cerca de 80% das mortes em acidentes de trânsito em alguns estados brasileiros envolve o uso de motocicletas.

É preciso se buscar outras alternativas e às vezes gastar um pouco mais como um táxi, providenciar outro veículo ou mesmo um mototaxi quando a criança tiver mais de 7 anos de idade.

Não há dúvida que uso da motocicleta facilita a vida o dia-a-dia, mas antes de qualquer coisa é preciso ter a garantia da segurança de nossas crianças.

O uso do capacete no tamanho certo, para criança, é ponto que se deve ser considerado ao colocar o seu filho na garupa da moto, e nunca esquecer de fechar a fivela para só então seguir tranquilo sua viagem, prestando atenção ao cumprimento das Leis de trânsito e em condutores menos descuidados.