Homem armado de revólver é detido por moradores e preso pela polícia na zona Rural de Cruzeta

Moradores suspeitaram que ele iria praticar um roubo no sítio, deram uma surra e o amarraram

0
2429

Por Caicó na Rota da Notícía

Na manhã de ontem, domingo (1° de Agosto) policiais militares de Cruzeta foram acionados para comparecerem no Sítio Paréas de Zé Nilton, zona Rural daquele município.

A informacão inicial repassada para o Copom de Caicó, foi que moradores do sítio tinham amarrado um homem que estaria prestes a praticar um assalto no sítio, e que outros dois amigos dele teriam fugido em uma outra moto, porém o arrendatário do sítio e outro homem tinha conseguido pegá-lo e amarraram suas mãos.

(Suspeito detido por moradores e preso pela polícia na zona Rural de Cruzeta)
(Suspeito detido por moradores e preso pela polícia na zona Rural de Cruzeta)
(Suspeito detido por moradores e preso pela polícia na zona Rural de Cruzeta)
(Suspeito detido por moradores e preso pela polícia na zona Rural de Cruzeta)
(Foto: Revólver Cal. 32 apreendido)
(Foto: Revólver Cal. 32 com 5 munições, sendo 1 intácta e 4 deflagradas, apreendido em Cruzeta)

Os moradores relataram que o suspeito (que chegou a levar uma surra) estava armado com um revólver Cal. 32. Na hora ele disse ser militar do Exército Brasileiro, o que foi confirmado pela PM junto ao 1° Batalhão de Engenharia de Construção antes de irem para a delegacia.

Em contato com um Agente da Polícia Civil de plantão para o dia de hoje, segunda feira (02), o blog Caicó na Rota da Notícia recebeu a informacão que, em sua oitiva o suspeito disse para o delegado de plantão Dr. Getúlio, que ele estava perdido procurando um bar que fica em um sitio, aonde amigos dele o estariam esperando ele para “tomar uma”.

Mensagens de celular confirmaram a versão contada, aonde ele fala com amigos e diz que estava perdido em frente a uma porteira de um sítio, momento este em que, dois homens chegaram com uma espingarda e o “escoraram”, ele tentou fugir mas eles o pegaram deram uma surra, o amarraram e chamaram a polícia.

O caso foi registrado na 3a Delegacia Regional de Polícia Civil sediada em Caicó aonde ele foi autuado por “Porte Ilegal de Arma de Fogo”, uma vez que só restou a suspeita e o delegado entendeu que não há indicios que ele cometeria realmente o crime de Roubo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui