“Operação Agere pro Viribus” leva prisão de vários integrantes de facção criminosa no RN

Dentre os presos por crimes diversos estão indivíduos envonvidos diretamente em atos criminosos na capital e interior

0
976

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, com apoio da Polícia Militar, do Instituto Técnico-Científico de Perícia, da Secretaria de Administração Penitenciária e da Polícia Rodoviária Federal, deflagrou nas primeiras horas desta segunda-feira (27) a “Operação Agere pro Viribus” (agir de acordo com sua força), que tem como objetivo o cumprimento de mandados de prisão.

As ações ocorreram simultaneamente em Natal e Região Metropolitana. O objetivo da operação foi o de cumprir mandados de prisões em 14 municípios municípios de Natal, Apodi, Mossoró, Extremoz, Goininha, Tangará, Tibau do Sul, Várzea, Macau, Pendências, São Gonçalo do Amarante, São Paulo do Potengi, Nova Cruz e Parnamirim, além de municípios de outras regiões

Foram presos 57 suspeitos de integrar facções criminosas envolvidas nos atos criminosos que têm sido orquestrados na capital potiguar e no interior do estado do Rio Grande do Norte.

Dois suspeitos foram feridos em confronto nos municípios de Extremoz e Pendências, socorridos, mas não resistiram. Armas e drogas também foram apreendidas. Desde o dia 14 de março, são 263 presos.

De pcrn, denarc, deicor, dpcin, dpgran, sesed via Caicó na Rota da Notícia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui