Protesto: “Me dê o cupom fiscal” está tomando conta da cidade de Caicó/RN

Cresce o número de caicoenses que começaram a pedir o cupom fiscal da gasolina. A medida, que aos poucos toma conta do país, visa obrigar donos de postos a baixarem os preços.

0
3596

Por Caicó na Rota da Notícia

A população de Caicó que compra a vista abriu os olhos e começou a pedir nota fiscal de abastecimento em Postos de combustíveis da cidade, o que antes não era feito. A medida tem por objetivo principal a diminuição do preço nas bombas dos postos de combustíveis para o consumidor.

Com o aumento nos preços da gasolina, diesel e etanol devido ao aumento na porcentagem do imposto do governo federal a população que comumente paga a conta final resolveu protestar e exigir o cupom fiscal da gasolina colocada em seus veículos.

Na prática, a tendência é a redução da sonegação fiscal por parte de alguns postos sonegadores e obrigar os respectivos propritários a baixarem os seus preços. Na teoria, a solicitação do cupom fiscal, daria prejuízo ou inviabilizaria a gasolina batizada (já que o dono do posto iria pagar caro pelo produto adicionado ao volume da gasolina) bem como a venda de cargas de combustíveis roubadas.

Ao gerar o cupom fiscal de R$ 20,00 reais, por exemplo, o posto paga um tributo aproximado de R$ 2,69 ao governo Federal, R$ 5,80 ao Estadual, e R$ 0,00 ao Municipal. Isto quer dizer que, com a solicitação do cupom fiscal dos R$ 20,00, o posto paga o total de R$ 8,79 de tributos e fica com R$ 11,21 do total.

Já aderi ao protesto e comecei a pedir o cupom fiscal hoje. Vamos fazer nossa parte e exigir o cupom da gasolina para exercermos nossa cidadania e exigir o que é nosso por direito até eles abaixarem os preços. Pedir o cupom também vai me ajudar a controlar meus gastos sabendo quanto estou gastando por mês, já que só abasteço no dinheiro“, disse um taxista caicoense.

Cupons fiscais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui