Corpo de mulher desaparecida é encontrado a 5km de Serra Negra sentido a Patos/PB

Polícia descobre que o ex marido a assassinou mulher, por não aceitar fim de relacionamento, e depois deixou confissão no celular antes de tirar a própria vida

0
2605

Por Caixa na Rota da Notícia

O motorista Josinaldo Queiroga da Costa, de 33 anos mais conhecido por “Naldo”, confessou em um vídeo deixado no celular dele que assassinou sua ex esposa, Maria da Conceição dos Santos, de 32 anos conhecida por “Ceiça”, que era funcionária da Raboni Calçados e encontrávamos – se desaparecida desde a última quinta feira (15) quando saiu de casa em companhia de Josinaldo e não voltou mais.

(Fotos: Maria da Conceição dos Santos de 33 anos, assassinada pelo ex companheiro/Reprodução )

O delegado da Polícia Civil, Glaudêncio Neto, responsável pelo caso, contou que eles almoçaram na casa da mãe dele na quinta-feira, porém existe um hiato temporal de informações sobre o paradeiro de Ceiça após esse registro.

No dia do crime, Naldo, segundo familiares, chegou novamente em casa por volta das 21h da quinta-feira, tomado um banho demorado e saído novamente às 4h da madrugada da sexta-feira dizendo que ia visitar um amigo no Hospital, porém não voltou mais.

O corpo dele foi localizado em uma residência abandonada no Sítio Quixaba Velha, zona rural de Quixaba/PB, por volta de 12h30. A Polícia encontrou no local o carro do seu pai que estava desaparecido. Ele foi encontrado pendurado numa corda e, ao lado, foram encontradas caixas de comprimidos tarja preta, provavelmente usados por Jozinaldo.

Desde aquele momento, uma verdadeira força-tarefa foi montada envolvendo as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e até amigos, que aflitos, fizeram buscas na propriedade citada, bem como em Patos e municípios vizinhos. Foram mais de 40 pessoas envolvidas.

O delegado tambem disse que, ao desbloquear o celular, encontraram um vídeo no cartão de memória, onde o motorista Josinaldo Queiroga não só, confessa o crime mas indica onde teria abandonado o corpo de Ceica; em baixo de uma ponte na estrada que liga Patos/PB a Serra Negra do Norte/RN.

O delegado confirmou que familiares contaram que Ceiça havia recebido algumas agressões físicas do ex-marido e que haviam se separado em junho durante os festejos juninos, devido as constantes crises de ciúmes dele.

Naldo não teria aceitado o fim do relacionamento, e estaria perturbado com as atitudes da ex companheira, que já estaria outra relação amorosa e fazendo questão de mostrar isso a todos.

Ele tinha contado amigos, que depuseram na delegacia, que não estava aguentando mais o modo como ela estava se comportando, tendo postado fotos de festas nas redes sociais, e que pensava em fazer uma besteira para cessar o que ela estava fazendo com ele. A vergonha que estava passando“, disse delegado.

O corpo de Ceiça foi localizado embaixo de uma ponte sob a BR 110 próxima ao Sítio Cachoeira a 5km de Serra Negra/RN sentido a Patos/PB. Ela foi encontrada em estado de decomposição e estava trajando o fardamento da loja onde trabalhava.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui