Comandante Geral da Polícia Militar nega intenção de tirar Pel Mon (Cavalaria) de Caicó

"Devido ordenação de despesas, foi solicitado, durante reunião, o custo de despesas de todos os setores da Polícia Militar do Estado do RN", disse ele

0
576

Por Caicó na Rota da Notícia

Nos últimos dias circulava a informação que a Cavalaria iria sair de nossa cidade. O Comandante Geral da Polícia Militar do RN, CORONEL ALARICO negou o  fato, e disse que não trabalha com a possibilidade de retirar o Pelotão da Cavalaria de Caicó.

O Cel. explicou que na verdade, o que está acontecendo é uma ordenação de despesas, e que solicitou os custos de funcionamento, não só da cavalaria mas, de todos os setores da Polícia Militar do Estado.

Precisamos ter conhecimento também de quanto é o custo de funcionamento da Cavalaria. Foi esse o levantamento que pedi, durante reunião que tivemos no Regimento em Natal”, disse o comandante ao repórter Marcos Dantas.

É importante frisar que o Pelotão de Cavalaria exerce um importante trabalho de policiamento ostensivo e preventivo, tendo em seu rol de serviços prestados, uma vasta lista de apreensões e prisões.

Não é de hoje que estes policiais atuam combatendo a criminalidade principalmente no tocante ao tráfico e uso de drogas. A cavalaria já realizou incontáveis apreensões de drogas em diversos pontos da cidade, como na Ilha de Santana, Praça do Coreto e em locais de difícil acesso, sem falar que estes valorosos soldados destacaram – se em algumas situações como na prisão em flagrante de FRANCISCO DOS SANTOS, conhecido por DÃO que assassinou o repórter FRANCISCO GOMES DE MEDEIROS (F.GOMES) no dia 18 de outubro de 2010, crime este que, chocou toda a sociedade jornalística e teve repercussão nacional e internacional.

Em seu julgamento, ocorrido nos dias 05 e 06 de agosto de 2013, o mototaxista DÃO réu confesso da morte de F.Gomes, pegou 27 anos de prisão em regime fechado e encontra – se preso até a data de hoje.

Foto: Vítima, Repórter F. Gomes e assassino, mototaxista Dão preso pela cavalaria durante tentativa de fuga pela ‘Rua do Macaco’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui