Deputada potiguar lamenta a morte do sequestrador

Todos os reféns foram salvos sem ferimentos, mas, apesar da operação ser considerada um sucesso pela Polícia e pelo Governo carioca a deputada federal, Natália Bonavides (PT/RN) ficou indignada

0
818

O estado do Rio de Janeiro vivenciou momentos de terror na manhã da última terça feira, 20 agosto, com sequestro de um ônibus na ponte Niterói. Após mais de 3 horas de negociação, o sequestrador acabou sendo atingido por um tiro de sniper e morreu.

Todos os reféns, do sequestro do ônibus na Ponte Rio-Niterói, foram salvos sem ferimentos, mas, apesar da operação ser considerada um sucesso pela Polícia e pelo Governo carioca, a deputada federal (PT/ RN), Natália Bonavides, comentou, em suas redes sociais, demostrando sua indignação.

Para Natália tudo terminou em “TRAGÉDIA E BARBÁRIE “.

“O que aconteceu no RJ deve ser motivo de reflexão e não de comemoração. Devemos buscar entender como nossa sociedade tem caminhado rapidamente para a barbárie. Além de toda a situação do sequestro, do medo, das vidas em risco, precisamos notar como a comemoração por parte do governador (o mesmo que recentemente protagonizou cenas de disparos de um helicóptero) também simboliza isso. A serenidade para enfrentar esse tipo de situação é imperiosa e qualquer tipo de tentativa de capitalizar em cima da tragédia é deprimente”, disse a parlamentar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui