Acusado de planejar morte do radialista F. Gomes é preso após 10 anos do crime

"Gordo da Rodoviária", condenado a 14 anos de prisão por Homicídio duplamente qualificado em 2019, tinha conseguido direito de aguardar o recurso em liberdade

0
1339

Uma ação conjunta entre o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Polícia Militar localizou e prendeu o comerciante Lailson Lopes.

Ele é condenado a 14 anos de prisão por envolvimento no planejamento do assassinato do radialista Francisco Gomes de Medeiros, o F. Gomes, morto a tiros em 18 de outubro de 2010 em Caicó.

A ação, que aconteceu nessa quinta-feira (5), mas só foi divulgada hoje (6), cumpriu um mandado de prisão expedido pela 3ª vara de Caicó. Um trabalho de inteligência do MPRN localizado Lailson Lopes no bairro de Capim Macio, na zona Sul de Natal. A Polícia Militar cumpriu o mandado nesta quinta.

Lailson Lopes foi condenado a 14 anos de prisão por homicídio duplamento qualificado em 2019. Mesmo condenado, foi concedido ao direito de aguardar o recurso do julgamento em liberdade.

Francisco Gomes de Medeiros tinha 46 anos quando foi assassinado. Ele foi morto a tiros na noite de 18 de outubro de 2010, deixando mulher e três filhos. ‘F. Gomes ‘, como era mais conhecido, foi atingido por três tiros de revólver na calçada de casa, na rua Professor Viana, no bairro da Paraíba.

Vizinhos ainda o socorreram ao hospital da cidade, mas o radialista não resistiu aos ferimentos.

De Noticia do Seridó via Caicó na Rota da Notícia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui