Polícia prende dois homens que por suposto homicídio de caicoense

Carlos Inacio, de 49 anos encontra - se desaparecido desde domingo (15) de um sítio arrendado a ele na cidade de São Fernando

0
1906

A Polícia Civil de Caicó, prendeu nesta terça-feira (17), com apoio da Polícia Militar, dois homens que teriam confessado a prática de homicídio. Eles teriam matado, o caicoense, Carlos Inácio de Medeiros, de 49 anos desaparecido desde domingo (15) de um sítio arrendado a ele na cidade de São Fernando.

(Carlos Inácio de Medeiros, de 49 anos desaparecido do sitio em São Fernando)
(Foto: Moto da vítima foi encontrada abandonada próximo ao Posto do Moinho.Créditos/Sídney Silva)

A moto pertencente a vítima, uma CG 150cc Titan KS, ano 2004/2005, de cor vermelha, e placa MYX-2I31, foi encontrada abandonada em uma estrada de viscinal (de terra) nas imediações do posto do Moinho, na zona rural de São Fernando (RN). Os dois homens foram presos na cidade de São João do Sabugi.

De acordo com informações de familiares, a polícia confirmou ter efetuado a prisão da dupla e que estes teriam confessado o crime.

Entenda o caso

A Central de Operações da Polícia Militar de Caicó – COPOM – recebeu informações na manhã desta terça-feira (17), sobre uma moto abandonada em uma estrada de terra nas imediações do Posto do Moinho. Uma guarnição do GTO foi encaminhada para o local e o veículo foi encontrado. Ao fazerem a checagem da placa e do chassi, não encontraram queixa de roubo ou furto.

A Polícia Civil foi acionada e foram iniciadas diligências na tentativa de saber se a moto pertencia ao homem que estava desaparecido, logo, chegou a informação do paradeiro dos dois suspeitos que abandonaram a moto.

Eles estavam em São João do Sabugi. Lá, eles foram detidos e confessaram ter assassinado Carlos e enterrado o corpo. Com eles, os policiais seguiram para a zona rural de São Fernando, onde disseram ter enterram o corpo. Agora, as diligências são para encontrar o corpo.

Por Sidney Silva via Caicó na Rota da Notícia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui